APROESP Associação de Professores e Servidores Públicos do Magistério Oficial do Estado de São Paulo

Notícias

2ª Conferencia Nacional da Saúde das Mulheres

encontro-nacional-mulheres

 

Prezados(as) companheiros e companheiras

Passados 30 anos da 1ª Conferência Nacional da Saúde da Mulher; em 2017 teremos a 2ª Conferência Nacional de Saúde das Mulheres (CNSMu) , que através de muita mobilização e cobrança por parte da sociedade se concretizará com a proposta de reafirmar, impulsionar e efetivar princípios e diretrizes do Sistema Único de Saúde – SUS na garantia da saúde como direito humano, e especificamente a saúde das mulheres.

A UGT sempre assumiu o compromisso junto à realização das conferências desde ajudar na divulgação e na preparação das etapas para a conferência nacional; além do estimulo a participarmos das etapas municipais e ou macrorregionais, das estaduais e na nacional, em agosto, nossa proposta é termos a nossa participação nas conferências livres; em vários espaços para qualificação de nosso quadro de dirigentes sindicais – mulheres e homens – para que a saúde e suas politicas contribuam na redução das desigualdades sociais, entre outras, conforme previsto na Constituição Federal de 1988 e nas Leis nº 8080/90 e nº 8142/90.

O tema central da Conferência, que orientará as discussões nas distintas etapas da sua realização, será “Saúde das Mulheres: Desafios para a Integralidade com Equidade”.

A 2ª CNSMu terá abrangência nacional, mediante a realização das Conferências Municipais e/ou Macrorregionais; Estaduais/Distrito Federal; Nacional, assim como Conferências Livres, conforme abaixo:

· Etapa Municipal ou Macrorregional: de 1ºde Janeiro a 21 de Maio de 2017; (informe-se quando ocorrerá em seu município ou macrorregião e participe)

· Etapa Estadual: de 22 de Maio a 20 de Junho de 2017;

· Etapa Nacional – de 1º a 4 de agosto de 2017;

Conferências livres: O governo quer tomar algumas decisões importantes junto com você. Você e milhares de outras brasileiras e brasileiros. O assunto é sério e faz parte do seu dia-a-dia: a SAÚDE. Trata-se de um direito de todo(a0 cidadão(ã); mas na prática, mesmo com todos os avanços que vêm sendo conseguidos nos últimos anos, ainda há muito por fazer. Conferências Livres são instrumentos de participação que ampliam e estimulam a construção de espaços de discussão e debate onde os diversos setores da sociedade brasileira podem expressar debater e aprofundar a discussão contribuindo para a formulação das diretrizes de uma nova Política Nacional de Atenção Integral à Saúde da Mulher. Constituem-se num importante instrumento de exercício da democracia, possibilitando a participação dos diferentes atores estratégicos na construção de um novo paradigma em atenção à saúde das mulheres.

“Histórias e lutas inscritas em nossos corpos e expressas em nossa saúde: nenhum direito a menos”

“Não vamos hierarquizar as misérias, mas temos que entender que vulnerabilidades, quando existentes, são sempre mais danosas às mulheres”

“Ter um olhar sobre os atores e atrizes sociais, suas demandas, suas ações, numa perspectiva de gênero, de raça/etnia, de classe, de geração, de orientação sexual”

OBS: Segue anexo documento com informações da 2ª Conferência Nacional da Saúde das Mulheres e o documento “SAÚDE DAS MULHERES NO MUNDO DO TRABALHO”, norteador, que servirá de base as nossas discussões.

 

Atenciosamente,

 

 

Cleonice Caetano Souza

Secretária Nacional de Saúde e Segurança no Trabalho

 

Santa Regina Pessoti Zagretti

Secretária da Mulher da UGT Nacional

 

Ana Cristina dos Santos Duarte

Secretária Nacional da Diversidade Humana da UGT

Publicado em Notícias

Comente! (0) ↓