APROESP Associação de Professores e Servidores Públicos do Magistério Oficial do Estado de São Paulo

Notícias

Diretor- presidente da APROESP concede entrevista na rádio Mensagem

A entrevista abordou temas relacionados à habitação

O professor Elias Rahal Neto, diretor-presidente da APROESP – Associação dos Professores e Servidores Públicos do Magistério Oficial do Estado de São Paulo- participou do programa falando de vida, transmitido pela rádio Mensagem, emissora da Diocese de São José dos Campos.

O programa é apresentado pelo radialista Donizete Eugênio, e a cada dia um novo tema é abordado, como prestação de serviços para a população. A pauta debatida durante a entrevista foi habitação popular.

Durante a conversa, o diretor-presidente foi questionado sobre a diferença da APEOESP e APROESP. “A APEOESP é o sindicato da nossa categoria, que tem como pauta a questão das reivindicações salariais, plano de carreira. E a Associação que tem a sua vida orgânica totalmente independente, luta pela questão dos benefícios para os associados, por meio de convênios médico, odontológico, laboratorial, seguro de vida e planos habitacionais”, ressalta Rahal.

Outro assunto abordado foi à possibilidade da APROESP realizar o sonho da casa própria para os associados, por meio de uma Cooperativa Habitacional. O professor Elias discorreu que a Entidade possui o “Geric”, gerenciamento de risco, fornecido pela Caixa Econômica Federal. “O Geric nos possibilita construirmos programas habitacionais com 100% de financiamento público para custear a obra e para os associados que vierem a adquirir os imóveis”, afirma o presidente.

O professor Elias ainda foi indagado sobre o Programa Minha Casa, Minha Vida do Governo Federal. “Considero o programa uma das melhores coisas que o país já produziu nos termos de projeto habitacional, o Minha Casa, Minha Vida permite às Associações habilitadas, uma modalidade específica de financiamento, conhecida como crédito associativo – imóvel na planta”, assegura Rahal.

Para finalizar a entrevista, o presidente da APROESP foi questionado sobre as agressões sofridas pelos professores na cidade do Rio de Janeiro. “Isso é um reflexo da sociedade em que vivemos, a educação pública passa por um sucateamento, precisamos valorizar mais os professores e oferecer melhores condições de trabalho. Me orgulho da escola pública, sou fruto desse ensino e devo tudo o que sou a ela”,concluiu.

 

Ouça a entrevista na íntegra:

Audio clip: Adobe Flash Player (version 9 or above) is required to play this audio clip. Download the latest version here. You also need to have JavaScript enabled in your browser.

Publicado em Notícias

Comente! (0) ↓
WhatsApp