APROESP Associação de Professores e Servidores Públicos do Magistério Oficial do Estado de São Paulo

Notícias

É obrigatório dar entrada no financiamento de imóvel?

 

Na maioria dos financiamentos, o valor de entrada exigido pode variar entre 10% e 30% do total a ser pago pelo imóvel. Quando as negociações são feitas através das linhas de crédito habitacional oferecidas pela Caixa Econômica Federal, o percentual mínimo exigido para entrada de imóveis usados é de 10%.

Já para os imóveis novos, que nunca foram habitados e que se enquadram no Programa Minha Casa Minha Vida, existe a possibilidade de realizar o financiamento até mesmo sem entrada, mas isso vai depender do valor do imóvel, da renda familiar e da análise de crédito feita pela instituição financeira e/ou banco.

Apesar de muitas vezes parecerem intimidadoras, as entradas representam um percentual significativo do valor do imóvel e é importante levar em consideração que, quanto maior for o valor de entrada no financiamento, menores serão as taxas de juros e as prestações a serem pagas no decorrer dos anos.

Ao passar pela importante etapa da análise de crédito, o comprador terá uma ideia de quanto poderá obter para a compra da propriedade e, por consequência, da quantia que terá de antecipar para a entrada.

Mas vale lembrar que o valor das parcelas do financiamento não pode exceder 30% da renda mensal familiar – que pode ser composta pela renda de um ou mais moradores que habitarão o imóvel através da chamada composição de renda. Este é um dos fatores que determina tanto o valor final do financiamento e da entrada quanto a quantidade de prestações.

Por isso, ressaltamos a importância de se dar o primeiro passo, especialmente neste momento de baixa nas taxas dos juros, rumo à compra da sua primeira casa própria.

Casas de 60m² prontas e com garagem, qualidade de vida e uma ótima localização te esperam no CONDOMÍNIO ALTOS BELA VISTA, em Taubaté. ACESSE AQUI e tenha mais informações.

Publicado em Notícias

Comente! (0) ↓
× Como posso te ajudar?